Abre Aspas: Amor X Brigas



Abracei meus joelhos. Tinha algumas mensagens suas no meu celular, eu só encaro a tela. Agora, parece assustador segurar o celular porquê eu achava que íamos discutir.
O ultimo mês não foi fácil, brigamos tanto que eu realmente achei que era hora de ir. Ou de você ir. Mas, tinha um sentimento que me traía bem no meio da minha fúria. Conseguia ser capaz de não me deixar prosseguir com aquilo.
Uma pergunta que eu vinha me fazendo todo esse tempo, era por que brigávamos tanto. Tudo bem, temos um sentimento forte um pelo outro e parece que ele vai aumentando a cada dia que a gente se vê.
É engraçado toda vez que nos encontramos, uma felicidade fora do normal se fixa entre nós, nossos corpos são correntes elétricas, que quando se tocam viram um curto-circuito.
E de forma, essa felicidade tão fácil pode se revoltar e virar um atrito, uma briga.
Pode ser por algo bobo, uma palavra errada, uma coisa que eu esperava e você não correspondeu, algo que você queria e eu não te dei, ciúmes idiotas, choros e uma discussão que vai se transformando em uma enorme decepção.
E do nada, as coisas perdem a forma, a graça. Desistir é uma palavra frequente na mente, mas não, não posso.
``Por que não pode?``
``Tem um mundo para você ver``
``Você devia pular fora``
Essas malditas frases não são fortes para me convencer, para me fazer acreditar que eu preciso desistir. Porque eu não preciso.
Não tem jeito, o nosso jeito sempre será o mesmo, além de saber que o amor está presente no nosso conflito ali, por mais banal que  seja, que o respeito mútuo está ali.
Ah, vamos brigar muitas vezes, podemos nos acertar, mas é importante saber que independente de tudo aquela corrente elétrica que liga freneticamente o ritmo dos nossos corações  está ali.
Lembrei do seu sorriso debochado, eu te amo.
Agora vou responder sua mensagem.







Beijo da morena <3


sociais,facebook,fb social instagram,social sociais,tumblr sociais,youtube

Postagens mais visitadas